A Capa


Operadora Oi é condenada a pagar R$ 6 mil a transexual

Por Redação em 04/05/2009 às 13h53

Operadora Oi é condenada a pagar R$ 6 mil a transexual
A empresa de telefonia Oi foi condenada pela Justiça do Rio a pagar uma indenização de R$ 6 mil por danos morais a uma transexual. Paula foi ofendida durante uma conversa comercial com um operador de telemarketing da Oi, que tentava vender um plano de ligações telefônicas. Segundo a transexual, a conversa teve um início amistoso, mas não terminou de forma agradável.

Quando questionado sobre a qualidade dos serviços que estava oferecendo, o operador ofendeu a cliente chamando-a de "enrustido", "veado", "incubado" e "travesti". "O erro do funcionário, talvez, foi achar que eu não tomaria nenhuma atitude. Ele se enganou. Tenho identificador de chamas (bina) e descobri que setor da Oi ele estava falando", disse Paula à reportagem do Diário de São Paulo, de domingo (03/05).

A ligação aconteceu no dia 7 de outubro do ano passado. Após o ocorrido, a vítima procurou ajuda na ONG Projeto legal, que defende os direitos humanos, e a instituição entrou com uma ação no 4º Juizado Especial Cível contra a empresa.

"Eu não estava interessada no dinheiro. Queria mostrar, apenas, que ser transexual não é crime", afirmou a vítima.

O Juizado considerou que a empresa desrespeitou o Código de Defesa do Consumidor ao não explicar de maneira cordial à cliente as qualidades do serviço.

Em nota, a Oi afirmou que pauta seu relacionamento com os clientes pelo respeito e pelo profissionalismo e que o repúdio a qualquer tipo de
discriminação é um dos pilares do atendimento e da cultura da companhia.

Quanto a multa de R$ 6 mil reais à transexual, a Oi ainda pode recorrer da decisão da Justiça.

Você gostaria de conhecer seu próximo namorado?

Se você quer conhecer vários caras bem próximos da sua casa ou do seu trabalho, nós temos uma solução completa e experiência de mais de 14 anos formando casais gays para namoro, casamento e também para uma noite de diversão.

Você só precisa se dedicar um pouquinho fornecendo suas informações com uma boa foto e pronto! Vários caras vão bater na sua porta querendo um pouquinho de você.

Gostou da ideia? É bem fácil, basta clicar aqui nesse link e digitar o seu e-mail para ter tudo isso.



Você quer receber nossas noticias por email?



Link

Comentários








miriam tarabal: Essa operadora ja me fez ter varias crises de raiva, odeio essa operadora, voce nunca consegue falar com uma pessoa que possa te exclarecer duvidas, voce so fala com atendente virtual, joguei meu aparelho no alto do meu armario,para que eu nao precise usar essa operadora, acho uma falta de respeito muito grande com os cliente, afinal somos nos que mantemos ela, com as tarifas altas que nos cobram, dizem que nos dao credito de graca, bobo de quem acredita, espero nunca mais ter que ouvir aquelas atendentes virtuais na minha vida, passei para vivo e estou super satisfeita e aconselho a todos a fazer o mesmo, beijos a todos e pra *oi* que se ferre, tem mais e que ficar pagando pelo mau atendimento rsrsrsr bem feito, e que venha muito mais processos rsrsrs

NuN0: é um otimo exemplo a historia dela, temos sim que lutar por nossos direitos e não deixar ninguem os oprimir...

natasha: valeu ele ter lutado e uma boa causa

Heloisa Rodrigues: É isso aí Paula,você mandou muito bem.Desreipeitar alguém alguém por sua cor,classe social,etinía ou preferência sexual é crime.

André: O importante é que, sendo Transex, Passivo, Ativo, Harry Potter, o que for, as pessoas terão o seu direito respeitado, se buscarem com dignidade o mesmo. Parabéns a Paula que soube mostrar, como verdadeira cidadã, o seu valor.

Vagner Pedroso: Isso mesmo temos que mostrar para esse País que nos homossexais somos pessoas como qualquer uma outra!

Lucas: Essa Oi é uma péssima operadora. Não me surpreendo em ler essa reportagem e saber que isso aconteceu. Pena que em certas regiões do país as pessoas ficam reféns dela por não terem opção. Ou ficam com ela ou simplesmente ficam sem telefone.

Odai da Silva: Parabenizo a justiça por punir,a operadora OI,Não pelo valor pago mas pelos direitos de consumidor,independente de Condição sexual

Márcio: ôÔô muito louvavel a atitude, é isso q falta...andei lendo os comentários: danylson vc pode ser gay e trabalhar la. Mas pode não ser a enpresa que é preconceituosa e sim um de seus funcionários...

Charles: Quem tinha que pagar era atendente homofóbico e não a operadora que não tem nada a ver com gente baixa que ultrapassam as barreiras dos recursos humanos das empresas. O dito cujo vai trabalhar em outra operadora e vai fazer pior....

Cesar: O funcionário danylson da call center da contax-oi em fortaleza-ce, foi muito infeliz ao fazer seu comentário. Por ser gay como afirmou, acabou por criticar determinados travestis, tal como fez o atendente que ofendeu Paula. Acho que a Oi precisa reciclar seus atendentes.

Carlos: PARABENS PELA ATITUDE TOMADA PELA TRANSEXUAL, TEM MESMO É QUE PROCURAR OS DIREITOS E DENUNCIAR TODOS QUE O DESCRIMINA, POIS PRECONCEITO É COISA DO PASSADO POIS ESTAMOS NO SEX XXI.

Victor: Não comprem celular da Oi e falem para seus conhecidos não comprarem também! Simples assim!

jonathan martins: Operadora Oi é condenada a pagar R$ 6 mil a transexual Por Redação 4/5/2009 - 13:53 apoiadissimo a atitude de paula de por a operadora "oi" na justiça,muitas das vezes o homossexual e ofendido e violentamente agredido e ele nao leva isso a frente,deixando claro que somos saco de pancadas,somos cidadães como todos. A atitude de paula nao foi por dinheiro e sim para mostrar "respeito" a comunidade GLBT.

sx: com certeza o teleoperador (nada contra, também sou) não passa de uma bichinha pão com ovo enrustida, que acha que só por que está do outro lado da linha está seguro e aproveita para falar asneiras. Parabéns e que ela vença definitiamente.

danylson: desculpa queridos mas eu trabalho no call center da contax-oi em fortaleza-ce sou gay e lá seria a última empresa a discriminar qualquer tipo de pessoa pois é uma empresa que aceita como funcionario um bom profissional não importa se ele é gay lésbica ,trans... o cacete, só acho que essa pessoa que vos fala está apenas querendo ganhar dinheiro, como por exemplo umas travestis que pegam famosos só pra sair na tv...abraçus danylson-fortaleza-ce

marcelo: Fez muito bem a transex em deixar claro q ofensa e o preconceito tem um preço... muito baixo alias para uma Empresa... mas q fica o exemplo!!!!

Douglas: sendo que a maioria dos funcionarios da oi são gays....

Ian: Um atendente da OI já foi rude comigo e se recusou a registrar minha reclamação e passar o numero do protocolo... Passou minha ligação p/ outra pessoa depois de 45 minutos de espera e esta não conseguiu identificar o funcionário. Fiquei decepcionado c/ a operadora q cancelou uma promoção minha sem aviso prévio, fui reclamar e ainda tomei esporro. Absurdo! Foi no ano passado e tbm coloquei na justiça !!! Mas eu pedi p/ a oi colocar o funcionário na minha frente. É só isso q quero !!!

Emerson Zocchi: Evidentemente fica mais bonito para a Oi se responsabilizar pela atitude cretina do funcionário - pagar a indenização sem recorrer e de maneira exemplar cobrar esses gastos do espertinho que atendeu a transex. Nada mais justo que ele pague nem que seja parcelado a Oi o prejuízo que causou!!! Tenho certeza que o rapaz vai pensar mil vezes antes de tomar uma atitude tão infeliz! E Zocchi

Miguel: ESSA "OI" PRIMA PELO PRECONCEITO EXPLÍCITO!!! PELO MENOS AQUI EM FORTALEZA - CE OCORRE O MESMO. A maioria dos funcionários quando avista um gay adentrando o recinto se esquivam do mesmo, ou, o atendem com chacota e desdém. Parabéns a parte ofendida (transsexual em questão), torço p/ que ela ganhe a causa.UMA PENA QUE AQUI EM FORTALEZA NÃO TEMOS UM GRUPO DE DEFESA DOS HOMOSSEXUAIS, QUE REALMENTE SE PROPONHA A DEFENDER A COMUNIDADE GLBT CEARENSE.

hellen oliveira: sou transexual tambem e sei que apesar de termos conquistado varios direitso ainda temos muita coisa por lutar. É MUITO IMPORTANTE QUE SE REAJA A ESSE TIPO DE TRATAMENTO POR QUEM QUER QUE SEJA,E NAO NOS OMITAMOS!

Anterior  1  Próxima 

Ofertas Atirados

 

 

Cueca Breathable Mesh - Coleção Envy

 

Preço: R$ 149,00
PROMOÇÃO: R$ 112,00

 

 

Cueca com Fechos Magnéticos Break A Way - Coleção Envy

 

Preço: R$ 149,00
PROMOÇÃO: R$ 125,90

 

 

Cueca Maximum Front Enhancement - Coleção Envy

 

Preço: R$ 149,00
PROMOÇÃO: R$ 112,00

 

 

Jockstrap Maximum - Branca - Coleção Envy

 

Preço: R$ 199,00
PROMOÇÃO: R$ 169,90


É expressamente proibido a reprodução parcial ou total de qualquer conteúdo do site A Capa sem prévia autorização por escrito dos responsáveis.
A Capa na iTunes App Store A Capa no Android Market RSS Facebook Twitter SoundCloud
Cadastre-se no informativo