A Capa


Márcio Retamero: "Troco minha homofobia pela sua corrupção"

Por Márcio Retamero* em 26/05/2011 às 12h47

Márcio Retamero: "Troco minha homofobia pela sua corrupção"

O dia de ontem foi amargo para a população LGBT brasileira, mas não é um dia para ser esquecido, pelo contrário, é dia para se lembrar e trazer à memória fatos políticos antes acontecidos, como no tempo da campanha eleitoral.

A Frente Parlamentar Evangélica, numa manobra política suja e equivocada, foi ao balcão de negócios no Palácio do Planalto e disse: "Troco minha homofobia pela sua corrupção". A presidente Dilma Rousseff aceitou de bom grado, afinal, a Frente Parlamentar Evangélica estava ameaçando não votar projetos do governo, trancar a pauta no Congresso, além de engrossar as fileiras da oposição que pedem as contas sobre o enriquecimento meteórico do ministro Antonio Palocci. Para blindar seu ministro, Dilma aceitou de bom grado, vender, mais uma vez, por muitas moedas de prata, as pessoas LGBT.

O deputado federal Anthony Garotinho (PR-RJ) confirmou em seguida à reunião no balcão de negócios do Palácio do Planalto que "a preocupação do governo com o risco de Palocci ser convocado a prestar esclarecimentos no Congresso foi usada pela bancada religiosa para cobrar a suspensão da distribuição do kit anti-homofobia do MEC".

O líder da Frente Parlamentar Evangélica, o deputado federal João Campos (PSDB-CE), também confirmou a barganha da homofobia pela corrupção. Declarou: "Nós reunimos, nesta terça-feira (24), a bancada evangélica e a católica, decidimos impor uma série de condições. Se o governo insistisse em manter o kit, bloquearíamos a votação na Câmara e apoiaríamos a convocação do ministro Palocci para dar explicações."

A presidente Dilma até foi elogiada pelo deputado representante da ditadura militar no Brasil, regime contra o qual lutou, inclusive pegando em armas! Jair Bolsonaro declarou: "sou obrigado a elogiar a presidente Dilma Rousseff".

Alguns militantes do movimento LGBT foram ao Twitter, Facebook e nas listas de debates dos grupos de militância LGBT no Yahoo para declararem que estavam surpresos, abatidos, enojados, decepcionados! Alguns se contentaram em referendar o "jogo político", dizendo que "as coisas são assim mesmo". Outros pediram "muita calma nessa hora, pois tem muitos equívocos no episódio"; outros pediam que os militantes se unissem contra nosso inimigo em comum, o fundamentalismo religioso, mas "o governo é nosso amigo" (?). Mui amigo!

Quanto vale a homofobia que faz sofrer e leva ao suicídio, além do assassinato de milhares de jovens e adolescentes LGBT? Para o governo Dilma, vale o ministro Antonio Palocci! Para os deputados da Frente Parlamentar Evangélica, vale a suspensão do kit anti-homofobia em troca do apoio à corrupção, sujando ainda mais suas mãos já sujas das porcarias que sabem produzir muito bem!

Quando eu soube da notícia, fiquei com raiva, muita raiva, mas esta logo passou depois que eu me lembrei: 1) a carta compromisso que a presidente, então candidata, assinou com os evangélicos fundamentalistas, se comprometendo em vetar tudo que fosse projeto que ia de encontro "à liberdade religiosa, à liberdade de expressão e aos valores da família brasileira"; 2) da sua aparição para comemorar a vitória ao lado do senador Magno Malta, posando para as câmeras dos fotógrafos e cinegrafistas e; 3) no dia de sua posse, o cumprimento caloroso do bispo Edir Macedo e outros líderes religiosos, convidados para o ato.

Não, eu não me esqueci desses pequenos "detalhes" da campanha eleitoral e dos dias que se seguiram à vitória de Dilma Rousseff.

O dia de ontem foi amargo e abateu a todos e todas que sonham com uma escola sem homofobia, com uma sociedade curada da homofobia, com adolescentes e jovens libertos da homofobia internalizada e dos seus algozes homofóbicos. Se existe um caminho seguro para a cura da nossa sociedade da homofobia que nela reina, tal é o caminho da educação, da democratização do conhecimento, da aquisição de valores dos Direitos Humanos.

O outro caminho, o caminho da criminalização da homofobia, poderá até colocar muita gente na cadeia (eu não creio nisso!), pode gerar muitas multas, mas jamais vai tratar o mal pela raiz a fim de extirpá-lo do tecido social.

Alguns líderes do movimento LGBT nesta altura do campeonato se apegam à semântica: "suspenso não é o mesmo que cancelado". Pois é, mas eu não acredito, e faz tempo, em coelhos de páscoa e papai Noel; até porque a Frente Parlamentar Evangélica pode ser fundamentalista, viver quase que na Idade Média, mas burra ela não é! Os que fazem parte dela sabem se organizar e jogar o sujo jogo da política, tanto que conseguiram!

No VIII Congresso LGBT do Congresso Nacional, participei da Mesa 01 de debates sobre o direito LGBT ao casamento civil. Ao meu lado, estava Preta Gil, a deputada Erika Kokai (PT/DF), dentre outros. Ouvi ali a senadora Marta Suplicy (PT/SP) dizer que se passaram 16 anos desde seu primeiro projeto de lei visando a ampliação dos direitos civis para a população LGBT e que até o presente momento, nada, nenhum projeto sequer foi aprovado pelo Congresso Nacional em prol dos direitos civis LGBT.

O motivo da inatividade do Congresso Nacional em relação á população LGBT é o mesmo desde então: a luta renhida dos fundamentalistas religiosos contra o avanço da cidadania LGBT no Brasil. A pergunta que não quer calar é: até quando, povo LGBT, continuaremos derrotados por eles? Até quando ABGLT e demais associações da militância, seremos derrotados por eles? Quando que daremos início ao nosso "Bash Back"? Quando enfrentaremos frente a frente o fundamentalismo religioso no Brasil?

As lésbicas e os gays cristãos, cansados de tanta sujeita e de ser massa de manobra, além de moeda de troca no balcão das negociatas politiqueiras, abatidos com a decisão da presidente Dilma de nos vender, mas não derrotados, se uniram no Rio de Janeiro. A Igreja da Comunidade Metropolitana do RJ e o Diversidade Católica convocam o povo cristão LGBT e todos e todas que, neste momento estão indignados, para juntos realizarmos uma passeata-protesto no calçadão da praia de Ipanema, no posto 09, no próximo domingo, dia 29 de maio, às 10h.

Combateremos o bom combate e juntos rogaremos: caia sobre a Frente Parlamentar Evangélica, sobre o Palácio do Planalto, sobre os corruptos, sobre o fundamentalismo e fundamentalistas religiosos, o sangue das vítimas de homofobia no Brasil!

"Porque o grito existe; então eu grito!" (Clarice Lispector). Gritemos!

* Márcio Retamero, 37 anos, é teólogo e historiador, mestre em História Moderna pela UFF/Niterói. É pastor da Comunidade Betel/ICM RJ e da Igreja Presbiteriana da Praia de Botafogo. É autor de "O Banquete dos Excluídos" e "Pode a Bíblia Incluir?", ambos publicados pela Editora Metanoia. E-mail: marcio.retamero@gmail.com.



Você gostaria de conhecer seu próximo namorado?

Se você quer conhecer vários caras bem próximos da sua casa ou do seu trabalho, nós temos uma solução completa e experiência de mais de 14 anos formando casais gays para namoro, casamento e também para uma noite de diversão.

Você só precisa se dedicar um pouquinho fornecendo suas informações com uma boa foto e pronto! Vários caras vão bater na sua porta querendo um pouquinho de você.

Gostou da ideia? É bem fácil, basta clicar aqui nesse link e digitar o seu e-mail para ter tudo isso.



Você quer receber nossas noticias por email?

Link

Comentários








Murillo: Eu acredito que a matéria acima exposta tem seu valor, pois não adianta querer "tapar o sol com a peneira" as religiões de origem cristã tendem não só a desmerecer quaisquer tipo de relações que não sejam justificadas para fins reprodutivos e mesmo essas alvo de contante vigilia como tambem a classificar como pecados cometidos pelo homem a instiucionalização do pecado, o inferno etc.. esxistem aqueles que consciente da historicidade e de sua genealogia conseguem discernir do contexto ao qual a biblia foi escrita e transcrita inumeras vezes até chegar ao latim e posteriormente bem posterior ahuahuahua ao português. Todavia a grande MAIORIA dos cistãos evangelicos são fundamentalistas sim!! uns por que são ignorantes e outros pq querem Afinal nos estamos na pólis e na pólis se faz POLITICA . abraços

Mineirih: Uma vez que os homossexuais querem e buscam respeito e igualdade, devem ao msm tempo respeitar tais coisas! Tbm sou Cristão e fico muito decepcionado quando entro em sites tão bons com A Capa e vejo como tratão os Cristãos! Faço das palavras do "Cara", minhas... "...assim como eu, existem "ene" homossexuais que, ao mesmo tempo que querem ver seus direitos reconhecidos, não aprovam esse discurso generalizado de ódio às religiões, contra Deus, contra a Bíblia..."

Cara: "Nosso inimigo em comum, o fundamentalismo religioso..." Só se for inimigo imaginário de quem escreve. Não estou gostando nada nada dos rumos que esse embate está tomando. Saibam os Senhores que, assim como eu, existem "ene" homossexuais que, ao mesmo tempo que querem ver seus direitos reconhecidos, não aprovam esse discurso generalizado de ódio às religiões, contra Deus, contra a Bíblia. Pedimos fim do preconceito, mas tem vozes no meio LGBT qualificando generalizadamente evangélicos e cristãos de "fanáticos", "loucos", etc. Isso não leva a nada. Por favor, parem com essa loucura, vamos defender nossos direitos sem excluir a liberdade de consciência e de crença. Tenho absoluta certeza de que com um diálogo mais civilizado podemos alcançar grande parte dos direitos que postulamos, e ao revés, esse confronto "religião X gays" só disseminará o ódio e levará à derrota de toda sociedade, não só dos gays como também dos religiosos.

Jailton Alves: Acredito que a nossa hora seja agora. Tenho uma sugestão. Se as campanhas em rede conseguiram derrubar ditadores no Norte da África, por que não aproveitamos esse momento e iniciemos uma Campanha Nacional contra esses políticos hipócritas e fingidos de religiosos? Por que não aproveitamos da internet para fazermos essa Campanha Nacional? Vamos convocar a população dos diferentes/iguais, Negros, pobres, gays, índios,brancos,ricos, todos, (mesmo porque em toda a família e de qualquer classe tem um Gay), para discutirmos em praça pública nossos problemas. Esses políticos safados não podem continuar em pleno século 21 a agirem como se eles estivessem na Idade Média e como se nós dependêssemos deles para sobrevivermos. Eles que se danem, que se explodam. Se eles querem a"' Guerra Santa'', nós queremos a Guerra pela Paz, pela Democracia, e pelo direito a vida. Afinal nós também pagamos impostos, e estes(nossos impostos) só servem para o bolso dessa corja de ladrões trevestidos de político

Leandro : Uma Vergonha, vendidos para proteger aquele que nos roubou Completamente envergonhado de ter votado nessa senhora Vamos a luta galera, vamos fazer uma campanha contra essa podridão!

Jeferson: Indignação seletiva é seu forte né senhor Mario Retamero! Primeiro a presidenta não vendeu o publico glbt mesmo porque esse publico não foi base de apoio da candidatura dela. A maioria desse publico votou e apoiou o senhor jose serra mesmo ele tendo dito com todas as letras que vetaria qualquer lei de união civil ao contrario de Dilma que disse qua não partiria do governo proposta de lei em relação ao publico glbt (ela não disse que vetaria como o senhor afirma erroneamente). Coerencia não é nosso forte mesmo. A bancada evangelica tem poder porque se organizam e elegem representantes (merito deles). Enquanto nos meu querido elegemos poucos candidatos e quando os elegemos so sabemos criticar a atuação desses solitarios no congresso. Até onde sei ela vetou o material que foi apresentado a ela não a concepção de que algo precisa ser feito contra a homofobia.

Higor Fernando: Em todo parte as pessoas estão sempre em busca de seus interesses. O que era pra ser um acordo tendo como sentido os rumos da questão homossexual e as causas da associação LGBTT, virou uma troca de favores, uma notícia dessas mais parece aquelas fofocas que você vê em casa, no trabalho, é o tipo de coisa(chatagem) baixa que todo mundo faz, mas em se tratando de política e causas sociais, é uma vergonha, principalmente quando o assunto está envolvendo a nossa novata Dilma. Não se trata de colocar homossexuais no poder, como foi dito por Daniel abaixo, pois tenho certeza que haveria uma certa disputa por privilégios, e seria o começa de um verdadeira guerra alegando que os gays querem dominar a política, e o Brasil. Nosso finado representante clodovil foi um político exemplar, e nunca quiz enfatizar o fato de ser gay para apoiar as causas LGBTT, devemos apoias as massas em geral, pois quando valorizamos as diferenças, isso nao envolve apenas os homo, por que nao são os unicos que sofrem

Andressa: Não me simpatizo com a idéia de que este tipo de situações ofende e amargura a comunidade LGBT somente. Todos os brasileiros que têm respeito aos direitos humanos e à liberdade individual não concorda com o que aconteceu nesta úlima semana. É triste ver a corrupção sendo moeda de troca para a discriminação. Enfim, se vocês que escrevem o texto acham que só os gays perdem com este tipo de disparate políticos, estão equivocados. Até meus filhos que são crianças e, portanto, não definiram suas sexualidades são afetados por isso.

telma pereira( teo): Cada vez que eu sonho,como sonhei participando da II marcha em brasilia.cada vez qeu sonho com escolas e um país sem homofobia mais homofobicos são nossos representantes.Mas se tivessemos politicos " FILCHA LIMPA" esta situação seria evitada, os evangélicos não teria como trocar .( homofobia por corrupção) . que país é esse. Mas nossa luta continua.

Eromildo Cruz: Um belo texto, carregado de apelos emotivos que nos traz satisfação e prazer em le-lo. A propósito do seu conteúdo acho que o texto desperta em nós uma consciencia significativa da necessidade da nossa participação política, não para sujar ainda mais as peças desse tabuleiro, mas para nos incluir com maior força política nesse jogo e com a real possibilidade de alterar essa correlação de forças. Que coisa vergonhosa e como diz o texto equivocada. Uma bancada que se diz evangélica absolutamente na contramão dos ensinamenos de Cristo chantageando o governo para esconder supostas verdades? Teriam dito, "Não faça isso, senão eu te crio problemas"? Votei na Presidenta Dilma, mas não ha como não falar da minha decepção e de dúvidas que me ocorrem: a Presidenta teve a necessária habilidade para lidar com essa situação e, ela está preparada para enfrentar situações de crise? certamente esse episódio contribui para expor ainda mais esse conflito social e demarca com maior clareza a fronteira q

Alex: toma o bando de gays que votaram nessa energumina.

Hudson Andrade: Vivemos num país em que não se pode confiar realmente nos políticos, todos mais interessados na manutenção de seus privilégios do que na real função de seu ofício junto ao povo que os elegeu. No mais, temos que fazer ver que o povo gay, cristão ou não, não tem uma atuação real junto a sociedade para valer seus direitos. Passeatas e manifestos precisam ter muito, muito mais do que carros-som, balões e fantasias e, certamente, muito mais do que carão e glitter. Precisamos nos organizar como evangélicos e políticos se unem, não no sentido sujo da questão, mas no sentimento corporativista de que eu preciso defender os meus e garantir-lhes o que for de direito dentro do que prega a lei, a ordem e a justiça, verificando também que a aceitação plena de qualquer ponto de vista jamais será alcançada e que portanto, respeito, tolerância e bom senso são imprescindíveis nesse momento. Também fiz minhas observações. Estão estão no meu blog: http://curiadarte.blogspot.com/2011/05/voce-tem-medo-de-q

Daniel: O problema já passou do Kit, o que não podemos é ter essa troca de corrupção com a vergonha da homofobia. Acho que a galera GLBT precisa acordar e votar em quem realmente pode fazer por nós, devemos colocar uma massa GLBT lá, para que juntos possamos mostrar nossa força.

marcos: Com esse veto ela vai incentivar a muitos homofóbicos a matarem mais!!!

Tchaka Drag queen: Frente Parlamentar Evangélica saiba que teremos novos desafios pela frente eu drag queen Tchaka e todos que acreditam na família de fato e não na família toda cagada que é a família constituída hoje em dia quase em sua maioria casados na igreja católica ou evangélica, ora faça me o favor se Deus tivesse abençoado mesmo essas uniões não havarei tanta separação. Nós vamos nos fortalecer nas próximas eleições me aguarde

EAMC: É doloroso testemunhar a irresponsablidade da Presidente e da Camara Federal. Ela, comandada pelo Lula que ainda manda e desmanda,somado ao Ministro Milionário "Pallofi". A Camara, pelos FALSOS PROFETAS que, à custa de seu farisaísmo,impressionam pais e mães sofredores,prometendo a CURA DA HOMOSEXUALIDADE.Muitas vezes devido a sua ignoräncia e à dominancia destes mesmos "pastores",OS PAIS maltratam e torturam moral e fisicamente,seus filhos diferentes.Mas, para não me enganar e cair em injustiça, FUI PROCURAR ASSISTIR OS VIDEOS preparados para o MEC E encontrei no youtube.Pode ser que, no calor da emoção, muitos não concordem mas,considerando que,hoje em dia, nem os professores escapam das agressões violentas e animalesca de alunos,como também acontece com os gays que são cruxificados todos os dias pela intolerancia,truculencia dos incapazes de compreender que não existe "OPÇÃO" sexual, mas sim CIRCUNSTANCIA. Ninguém "se torna" gay. A pessoa nasce GAY.Mas, voltando à crítica ao Kit ga

watucci: Pior foi ver a imprensa principalmente jornais de televisao a favor do fim do kit anti homofobia, foi o cumulo do absurdo ouvir hoje de madrugada o apresentador do jornal do sbt 2 ediçao dizer que foi correto a presidente ter vetado o kit!!!!

Régis: Sou professor e sinto na pele essa facada. Estamos quase mortos.

wanda la wanda: Vamos começar uma campanha na internet para que os deputados e senadores que não são da bancada evangélica, para que eles barrem as decisões do governo, pagando com a mesma moeda!

Barros Filho: Sou homossexual e, diga-se de passagem, muito bem resolvido, obrigado! Agora, se os vídeos que apareceram, hoje, na mídia, compôem o tal "Kit Gay", sou contra, sim! O leitor, Rômulo Borges, fez um desabafo e eu concordo cem por cento com ele. Gente, ser "Homossexual" não significa sermos menos homens ou menos mulheres...Demais, política de combate à homofobia quer dizer, necessariamente, esclrecimento de que somos todos iguais, e que, qualquer tipo de disriminação poderá ser passível de processo criminal àquele que for responsável por tal atitude!!! É mais necessário e prático, que os grupos LGBTS lutem para que o governo tipifique como crime, a HOMOFOBIA.

Linda Emanuély: Depois dizem que os maus perseguem os de cristo, sendo que os de cristo é que são os maus da história. Essa gente, deveria mudarem-se para Marte, mas nem pra isso servem. LINDA EMANUÉLY - SEMPRE LINDA EMANUÉLY!

Dênis: Excelente texto. Não sei se alguém já havia feito, mas encaminhei esse link para a Presidência da República.

André: O povo votou a favor do presidencialismo em 98... agora aguenta! Quais paises monárquicos-parlamentaristas fariam tal coisa? Liberdade LGBT TOTAL = Suécia, Noruega, Espanha, Canadá, Dinamarca, Bélgica, Luxemburgo, Holanda, Inglaterra... todos países monárquicos-parlamentaristas onde digo ironicamente: "países horríveis, com péssima qualidade de vida..." os impostos são altos lá? OK, a nossa carga tributária é a maior do MUNDO! o Rei/Rainha NAO TEM PARTIDO... e não precisa fazer jogos imundos como esse que vimos acontecer pra arraigar voto! Mais vale o voto dos evangélicos do que o voto dos gays...

Marco: Eu nunca votaria em mulher nem pra pilotar um fogão lá em casa... Eu mesmo cozinho

Daniel: Achei uma ótima resolução a da presidente. Esse kit não é o material adequado para a educação de crianças e jovens. Tem de existir educação sim, mas no sentido de unir as pessoas, de integração e não um "KIT GAY", segregacionista... ridículo! Só espero que não seja um golpe petista para promoção da presidente - tipo: a gente prepara o kit, faz a mídia falar o que quer (mal, logicamente) e depois chega a "redentora" que veta o kit ;-)

HUGO OLIVEIRA: ROMULO BORGES VOCÊ FALOU TUDO. QUEM DERA QUE TODOS OS GAYS FOSSEM IGUAIS A VOCÊ. VOCÊ É DOS MEUS!!!

ruanzito: Brasil um País atrasado,até quanto esses evangelicos vao achar que sabem de tudo,ohhh País de fdp...........

LOUIS: Será possível que não consigamos mobilizar políticos simpatizantes e honestos para usar os mesmos artifícios? Ou libera o kit ou travamos tudo também! E apoiaremos a chamada do Distinto e Ilustríssimo ministro para prestar explicações sobre seu "milagre da multiplicação"! Não desistam amigos!!! "Conta La Fontaine que um galo forte atacou outro no galinheiro e lutaram até que esse outro não podia mais reagir. Como bom e inteligente perdedor, este se recolheu a um canto seguro. Por sua vez, o valentão subiu ao poleiro e bateu as asas, cantou três vezes declarando-se vencedor e dono de todo o galinheiro. Mais teria ele cantado se não fosse uma poderosa águia que ouviu aquele desafio e não teve dúvidas - "É para mim! e é para já!" Mergulhou com sua imponência de guerreira acostumada a levar a melhor presa e saíu para o alto com o galo para servir a seus filhotes um lauto banquete. Os contadores de fábulas aconselham: Não se vanglorie de uma vitória pois vai despertar valentões maiores

FELIPE ALEXANDRE ROMÃO: Sabe por que o pessoal tipos FHC, SERRA, Geraldo, não são carimbados por que não mudam como o PT. Desde o inicio o PSDB, nunca foi favoravel a levanatr bandeiras, sempre discutiu um Brasil democrático. O PT não! ele invadiu as ONGs, da mesma forma que invadiu as igrejas, pedindo voto dos dois lados, eu sabia fiz campanha contra. NUNCA, NA FACE DA TERRA um partido vai atender aos dois lados, mesmo que usem a democracia como bandeira. AS Ongs, levaram a estrela do PT para o arco-iris, é o que temos a fazer direcionar a cauda entre pernas, e nos calar.Agora tarde da vida vem o Jean pedir para não votar na Dilma. Sempre falei nunca na história desse país matou-se tantos gays como nesses 09 anos

ROMULO BORGES: GAYS NÃO CONSEGUIRÃO NADA ENQUANTO NÃO DEIXAREM DE SER UM BANDO DE COVARDE!!! VIDE O CASO DA PRAIA DE IPANEMA. QUANDO PERMITIRAM QUE SEIS OU DEZ CARAS FOSSEM CAPAZ DE BATER EM MEIA DUZIA DE GAYS E OS OUTROS MILHARES DE GAYS ASSISTINDO NÃO FIZERAM NADA. ENQUANTO NÃO FOREM MACHOS O SUFICIENTE PRA USAR A FORÇA DE MACHO E MOSTRAR QUE CONDIÇÃO, OPÇÃO OU O QUE SEJA, NÃO TEM NADA HAVER COM SUA CONDIÇÃO NATURAL DE HOMEM E COLOCAR SUA TESTOSTERONA PRA FUNCIONAR E PERSONALIDADE FORTE PRA LUTAR POR SEUS IDEIAIS E TER MAIS AUTO RESPEITO, ASSISTIREMOS MUITOS EPSÓDIOS COMO ESSES OU PIOR DO QUE ESSES. SÓ MUDAREMOS O MUNDO QUANDO COMEÇARMOS A SENTIRMOS ORGULHOS DE FATO DO QUE SOMOS E DEFENDERMOS O QUE SOMOS PARA CONOSCO E PARA OS QUE ESTÃO AO NOSSO LADO. EDUCAÇÃO, RESPEITO E ATITUDE COMEÇA DENTRO DE NÓS, NÃO TEMOS QUE ESPERAR POR SOCIEDADE, GOVERNO NEM POLITICOS, PARA INICIAR UMA MUDANÇA. PRECISAMOS APENAS DEIXARMOS DE SER COVARDES E FAZER VALER A TESTOSTERONA QUE EXISTE EM NÓS E QUE MUITOS ESQEUCEM

Roberto Ruiz: Essa atitude serve para aqueles que sempre pregam que o PT do Lula e da Dilma, são a diferentes dos outros partidos. Diferentes só se forem no quesito de se manifestarem arduamente para encobrir os roubos e escândalos, de resto, são iguais aos outros. O rolo do Palocci, só deu no que deu porque a nossa Presidente não teve a mesma cara de pau do seu antecessor em dizer que nada viu, ou sabia. Preferiu ir logo, barrando projetos, e eliminando um problema que poderia, ou não, prejudicar o seu atual governo. Mas vamos lá, ainda tem mais alguns anos com ela no poder, é muito mais coisa para que ela vete.

Anterior  1  Próxima 

Ofertas Atirados

 

 

Cueca Breathable Mesh - Coleção Envy

 

Preço: R$ 149,00
PROMOÇÃO: R$ 112,00

 

 

Cueca com Fechos Magnéticos Break A Way - Coleção Envy

 

Preço: R$ 149,00
PROMOÇÃO: R$ 125,90

 

 

Cueca Maximum Front Enhancement - Coleção Envy

 

Preço: R$ 149,00
PROMOÇÃO: R$ 112,00

 

 

Jockstrap Maximum - Branca - Coleção Envy

 

Preço: R$ 199,00
PROMOÇÃO: R$ 169,90


É expressamente proibido a reprodução parcial ou total de qualquer conteúdo do site A Capa sem prévia autorização por escrito dos responsáveis.
A Capa na iTunes App Store A Capa no Android Market RSS Facebook Twitter SoundCloud
Cadastre-se no informativo